Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 29 de novembro de 2009

DoCoMo, Celular carteira/cartão de credito

Qual o problema enfrentado pela DoCoMo?
O problema principal é a falta de confiança do usuários em usar esse tipo de serviço, e os comerciantes que ainda não aceitam pagar a comissão sobre o valor dos produtos.

Qual estrategia a empresa escolheu para solucioná-lo?
A DoCoMo adicionou sistemas de segurança como o bloqueio remoto, e tenta incentivar os comerciantes a usar o sistema pagando a instalação da maquina leitora.

É uma boa estrategia? Por quê?
A segurança ainda parece um pouco baixa, pois pode demorar muito para o desativamento. Em relação aos comerciantes, como a uma baixa aceitação no mercado, não adianta cobrar uma taxa maior ou superior ao cartão de crédito convencional.

Existem estrategias que a empresa deveria ter considerado?
Um boa estrategia para segurança seria a possibilidade do aparelho só funcionar estando perto do proprietário, utilizando por exemplo tecnologia de blue tooth, como um fone de ouvido sem fio e o telefone. Caso o telefone seja roubado ou perdido, outra pessoa não poderia usar se não tivesse com o fone de ouvido, no lugar do fone de ouvido porderia ser outro aparelho blue tooth que funcionasse como uma chave sem fio.
Com os comerciantes deveriam reduzir as taxas sobre os produtos, e ainda não cobrar pela instalação do equipamento leitor, depois de um período a empresa poderia subir novamente as taxas, e se os comerciantes não aceitasse devolveriam as maquias leitoras, mas por consequência iriam perder os cliente já habituados a comprar com esse serviço.

Quais forças externas contribuíram para os desafios que a DoCoMo enfrenta?
Para criar um carteira eletrônica mais cartão de credito em um celular, ela tem desafios como manter bons relacionamentos com bancos, adquirir experiencia com financeiro, capacitação de pessoal para trabalhar como cartão de credito, e principalmente conseguir equipar bancos e estabelecimentos com leitores do chip de cartão de crédito.

Nenhum comentário: